Sexta-feira, 01 de Abril de 2011

            O bispo Agostinho dialogando com o discípulo Evódio fala das pessoas que escolhem o mal como modo de resolver os problemas da vida e o outro pergunta: quem nos ensina o caminho mau? Por que alguém usa a inteligência para o mal? O mestre responde que toda inteligência é do bem e explica perguntando, para fazer o outro raciocinar. Está em seu livro Lívre Arbítrio:

 

            Ag. Mas quando alguém for ensinado e não se servir da inteligência para entender, poderá ser ele considerado como alguém que fica instruído? O que te parece?

            Ev. Parece-me que ele não o pode de modo algum.

            Ag. Logo, se toda a inteligência é boa, e quem não usa da inteligência não aprende, segue-se que todo aquele que aprende procede bem. Com efeito, todo aquele que aprende usa da inteligência e todo aquele que usa da inteligência procede bem. Assim, procurar o autor de nossa instrução, sem dúvida, é procurar o autor de nossas boas ações. Deixa, pois, de pretender descobrir não sei que mau ensinante. Pois se, na verdade, for mau, ele não será mestre. E caso seja mestre, não poderá ser mau".

            A filosofia é assim mesmo, cheia de redundâncias para melhor gravar uma idéia. Mas, percebeu?, quem envereda pelo caminho do crime não pode culpar ninguém, como alguns dizem: foi a sociedade, foram os pais, e por aí a fora. Aprender exige o uso do raciocíneo, da inteligência. Se refletimos não enveredamos pelo mau caminho.

            Em tudo, se racionalizamos, só encontraremos boas finalidades. O problema é: como não tomar uma atitude irrefletida? Como não entregar (ou estragar) nossa vida ao disparar de nossa amigdala celebral, puramente instintiva? É preciso muito treino no caminho bom. Ora, nele é até mais difícil de nos defrontarmos com o mal.



publicado por joseadal às 21:01
mais sobre mim
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
15
16

17
19
23

24
26
27
29
30


pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO