Sábado, 02 de Julho de 2011
Meu amigo Fabiano66, colega de longas pedaladas, mandou-me um email que dizia:
"Nos últimos 12 meses, o juro da dívida pública custou R$ 213,9 bi ao Brasil. Para honrar seus credores o  Estado fez um arrocho de gastos e conseguiu reservar R$119,6 bi do total da receita de impostos compondo assim o superávit primário, todavia insuficiente para suprir a pantagruélica bocarra rentista. O rombo não pago, R$ 94,3 bi, ou 2,5% do PIB, foi acrescido ao saldo da dívida que desse modo não cessa de aumentar, mesmo quando o governo gasta menos do que arrecada. Sempre é bom cotejar valores etéreos das finanças com unidades de medida mais terrenas. Uma delas é o custo do Bolsa Família, o maior programa social de transferência de renda do mundo. Um ano de Bolsa Família custa R$ 17 bi aos cofres públicos. Beneficia 53 milhões de brasileiros. Vamos sentar para não cair de susto: o juro da dívida pública pago nesses 12 meses permitiria multiplicar por doze vezes e meia o benefício médio do Bolsa Família, o que propiciaria a cada lar inscrito no programa uma renda de R$ 1.400 reais por mês, contra média de R$ 155,00 atuais".
Li com atenção e, então, respondi, pq vcs sabem q sou respondão:
Fabiano, é mesmo um juro caro o q pagamos. Pegar emprestado R$1.5 trilhão meio ñ é a mesma coisa q pegar R$1 mil para comprar uma geladeira. Estamos pagando quase 15% ao ano por este dinheirão! Particularmente, na minha pouca compreensão de macroeconomia - vc sabe como sei quase nada de matemática - acho q o Brasil já podia fazer como os EUA q devem muito mais do q podem pagar, falam grosso com todo mundo e pagam o q querem. Nosso governo e nosso Banco Central poderiam baixar o juros para 3% ano. Aí vc pergunta: Quem ia querer emprestar ao Brasil? Cara, com nosso povo sedento de produtos todo mundo ia querer continuar investindo num mercado q vai crescer sem parar. Ora, se ao invés de pagarmos R$213,9 por um juro de 15% pagaríamos menos cinco vezes, R$42,8. Meu camarada da estrela solitária - ñ estou me referindo ao glorioso Botafogo, mas ao ilustre PT - nós teríamos R$171,1 para distribuir com toda classe D + eu, o q daria um pouco mais do que sua conta de R$1.400, mas R$1.550 pra cada. Já imaginou q país seria este!!
Em tempo: Fabiano, o MP - nosso amigo ciclista Tucano - pergunta se poderia incluí-lo neste Bolsa Família.


publicado por joseadal às 15:42
Creio que o melhor a perguntar é "que governo é esse?" porque o País somos nós. E nosso País é um espetáculo. Nosso povo é um bom povo. Só que, por faltar instrução a maioria do povo, não sabemos escolher nossos governantes. Infelizmente é o povo mal instruído que os coloca lá e, neste caso, nós estamos meio que incluídos no governo. Então somos também passíveis de críticas. Devemos escolher melhor nossos governantes.
vanice a 3 de Julho de 2011 às 14:33

mais sobre mim
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
16

17
18
19
20
22

24
25
26
29
30

31


pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO