Sábado, 29 de Setembro de 2012

O mundo digital não tem nada a ver com o espiritual, certo?

O jornalista de informática de O Globo, Pedro Doria falando sobre a Universidade de Stanford e o Vale do Silício me alertou para uma resposta negativa.

Sabe onde fica o Vale do Silício, o distrito industrial e tecnológico onde começou a HP, o Windows, o Google, o Yahoo e outras grandes companhias? Ao sul da cidade de São Francisco tem uma cadeia de montanhas e aos seus pés se instalou o maior centro de indústrias de informática do mundo. O conhecimento superior que formou os milhares de funcionários altamente especializados dessas empresas foi fornecido principalmente pela Universidade de Stanford.

A instituição foi fundada por Leland Stanford, um ex-governador da Califórnia, em 1891. O político havia feito fortuna construindo ferrovias na época da corrida ao ouro. Era um velho corrupto, mas seu coração era abrandado pela paixão pelo filho, Leland Stanford Jr. Aos 12 anos o rapaz era um estudante brilhante e curioso por tudo, de botânica a hieróglifos egípcios, passando pela mecânica de trens. Leland Jr foi o que se designa agora como uma criança índigo, um gênio. Enquanto os pais, muito ricos, viviam ocupados com muitos acontecimentos sociais ele preocupava-se com os pobres e não compreendia como sua família vivia com uma tão grande riqueza enquanto outros passavam por tanto sofrimento. O menino passou a insistir com a mãe para cuidar dos necessitados. E assim ele foi modificando os pais.

Mas essa alma boa não pode fazer muito mais. Quando estava para completar 16 anos, numa viagem de férias com a mãe, pela Grécia, ele pegou febre tifoide e nem o tratamento mais caro o salvou. Depois do seu passamento o pai passou a ser assediado pela ideia de criar um centro de estudo modelo como queria para Leland Jr. Sua mãe recebeu mensagens espíritas em que o filho pedia a mesma coisa. Assim, o milionário doou uma fortuna para a construção e instalação da universidade de Stanford, que deveria servir de memorial vivo ao que o menino poderia ter sido.

Divaldo Franco, um orador espírita fez uma palestra sobre esse jovem. Ela está no You Tube dividida em três partes. Este link é da primeira.  

http://www.youtube.com/watch?v=dV9RvvnVNPE

E assim descobri que o mundo da informática tem uma grande dívida com o espiritual.



publicado por joseadal às 00:56
mais sobre mim
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14

16
17
20

23
24
25
28

30


pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO