Quinta-feira, 20 de Dezembro de 2012

Que valor tem se conhecer a mitologia?

Muitos, um deles é que esses mitos são hierofanias, a capacidade das palavras se transmutarem em outra coisas em nossa mente. Um sentimento evanescente como o amor apaixonado pode ser representado por um belo jovem com um arco e flechas, Eros. O livro Mitologia Grega (volume I) diz: “Um objeto ou uma emoção não se tornam reais a não ser na medida em que repetem um arquétipo”.

Na ilha de Creta os arqueólogos desenterraram uma cidadela, Cnossos. A mitologia diz que nessa ilha havia um labirinto, os arqueologistas descobriram um palácio tão grande que era um lugar fácil de se perder. O rei Minos tinha uma bela esposa, Pasifae, mas sua paixão eram touradas e tinha especial predileção por um animal. A mulher fica presa a obsessão pelo touro e se prostitui com ele, desta relação nasce um monstro, Minotauro. Minos o coloca no labirinto e o alimenta com o sacrifício de jovens. O jovem Teseu vai ser sacrificado, mas a jovem Ariadne por amor lhe dá uma linha que o ajuda a encontrar o caminho para fugirem do labirinto. Com uma parábola assim, os elementos de uma tragédia familiar ficam mais visíveis.

A desatenção de um dos cônjuges pode levar o outro a uma relação adúltera. Esse caso pode gerar uma situação terrível que geralmente é escondida. Para manter essa mentira os filhos acabam sendo sacrificados. Só o amor verdadeiro pode encontrar a saída deste labirinto. Percebeu como a mitologia dramatiza com personagens o torvelinho de emoções que cercam um pecado, um erro contra a natureza e Deus?


tags:

publicado por joseadal às 21:03
mais sobre mim
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
13
14
15

16
17
18
21
22

23
24
26
28

30
31


pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO