Quarta-feira, 21 de Novembro de 2012

Deus é mais!

Nem nos damos conta, porém, da luta das forças do bem contra o mal. Quando estamos bem de saúde tudo parece se concentrar neste mundo e na nossa sobrevivência. Mas quando alguém está indefeso em uma cama um grande movimento acontece em torno dele, num outro plano de existência. O livro Aruanda me chamou atenção disso:

“Prostrado no leito, abatido, o corpo exalava um suor de cheiro forte. Em torno de sua aura gravitava uma grande quantidade de energias e bolhas de coloração roxa. A esposa velava ao lado da cama. Vovó Catarina aproximou-se dela e sussurrou-lhe: reze! A mulher, como se lembra-se, pôs-se a rezar. Um espírito irradiando uma luz azul apareceu e se identificou como a mãe desencarnada do doente. Pai João informou que um ‘trabalho’ feito com um sapo contra ele agia como dinamizador de energias mórbidas que o estado de fraqueza moral do padecente permitiu que entrassem em seu corpo. Explicou que um forte sentimento de culpa provocado pela consciência que reconheceu seus erros abriu campo para energias letais. Ao chamado do Pai João o quarto se iluminou como se línguas de fogo brotassem das paredes. Eram elementais conhecidos como salamandras que envolveram o doente num remoinho de fogo etérico que queimava o material tóxico que gravitava em torno da aura do padecente. Das paredes e móveis escorria um fluido pegajoso que se evolava com a ação dos elementais.

A ação no plano etéreo terminou, a respiração se normalizou e ele não suava mais. A taquicardia cedera e o ritmo cardíaco se tornou regular. A mulher pondo a mão em sua testa gritou: Graças a Deus! Nossa Senhora Aparecida ouviu minhas orações!

Surpreendi-me: foi tão simples!

Mas pai João retrucou: Não se engane, ainda não acabou. Não destruímos energias quando limpamos um ambiente. Essas energias retornaram a quem as atirou contra esse homem, é a lei do retorno. O paciente, amanhã, vai rezar aos pés da santa. Mas ele precisa mais. Deve ser encaminhado para um tratamento espiritual, seu espírito deve ser reeducado para não recair no sofrimento físico.

Fiquei impressionado de ter participado de uma aula de cura por amor”.

O Criador usa uma legião de espíritos de todas as formas na luta contra as forças demoníacas. Não pense que somos os tais e podemos enfrentar tudo sozinho. O orar é um remédio sempre necessário.



publicado por joseadal às 23:23
mais sobre mim
Novembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
14
15
17

19
20
22
24

25
26
27
30


pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO