Sexta-feira, 09 de Maio de 2014

Quem é muito apegado à realidade, ao mundo material – e quem não o é, se vivemos desde o nascimento até a morte cercado por tudo que impressiona nossos sentidos? – desconfia da formação de jovens sacerdotes. No livro O Vermelho e o Negro, de Henri-Marie Beyle, Stendhal (1783-1842)

um jovem inteligente e muito bonito, é levado a entrar para o seminário por algumas razões, menos a devoção (p. 245): “Entre os 322 candidatos, oito viviam em ‘cheiro de santidade’, tinham visões, como Santa Teresa e São Francisco de Assis; e estavam quase sempre na enfermaria. Três distinguiam-se por um talento real, mas o resto compunha-se de seres grosseiros, que não tinham bem a certeza de compreender as palavras latinas que repetiam durante todo o dia”. O jovem personagem pensava de si para consigo: “Em todas as profissões são necessárias pessoas inteligentes, mas a maioria é parva. Mas, enfim, sempre há trabalho para fazer. No tempo de Napoleão eu seria o sargento de cabos e soldados comuns, entre estes futuros abades serei vigário-geral”.

Ora, como seguir na adoração um guia meio cego?! Eu e você, que nos contamos entre pessoas inteligentes, como podemos ouvir um sacerdote ignorante de tantos assuntos que sabemos bem? Entretanto, leia mais um pouco: “Mas o que ele não sabia, era que ser o primeiro nos diferentes cursos: dogma, história eclesiástica, latim, filosofia, tornava-o, aos olhos dos mestres, um pecador magnificente. É a submissão do coração que é tudo para eles”. E se referindo a quem quase não tem fé, só um resquício dela, diz: “A Igreja Católica, vacilante, agarra-se ao papa e as piedosas cerimônias para impressionar o espírito dos mundanos”.

- Estou aqui pensando, Zé. Será que se vivesse no tempo que se seguiu a morte de Jesus, olharia para Pedro e diria: O que pode esse pescador ensinar a mim, doutor formado e empresário?!



publicado por joseadal às 11:55
mais sobre mim
Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO